terça-feira, 31 de dezembro de 2013

VENCER



Eu queria dizer algo lindo, contar uma história interessante, mas meu coração hoje se recusa a me dizer tais palavras.

Por mais que tenhamos conteúdo,  é sempre ele quem nos guia, afinal, no coração ninguém manda.

Lutamos contra nossos sentimentos na tentativa de mudar o rumo das nossas vidas, porém não temos total domínio.

Por mais fortes que sejamos e por mais que lutamos em determinadas situações, não conseguimos sair ilesos em nossos sentimentos.

Sofremos, choramos e o coração muitas vezes ainda insiste contra nossas decisões e acaba por nos vencer.

Diz o ditado que tem mal que vem para o bem. Todos nos queremos o bem. Quem não deseja ser feliz, não é mesmo?

O difícil e aceitarmos as dores e atravessá-las sem derramarmos as amargas lágrimas. Acreditamos que passando a escuridão da noite, logo vem um novo amanhecer.

A questão é: vêm com ele novas surpresas e não sabemos quais os ventos que as trazem  e quais suas conseqüências.

O segredo da vida é esse.

Acordar sem saber o que vai acontecer, e isto faz com que nasça em nós a esperança de um lindo dia.

Enfrentar as situações difíceis de cabeça erguida é uma dádiva dos céus, mesmo que para isso tenhamos que sofrer, pois é melhor sofrermos com a verdade do que sermos felizes na mentira.

Cada um de nós tem uma forma de pensar e reagir diante de uma situação, pois isso é muito natural, depende da educação e do amor que se recebe,dando  experiências diferentes, proporcionando a oportunidade  e gerar a sua própria opinião.

Porém tratando-se de sentimentos, acredito que as emoções sejam semelhantes para todos.

Tomando como exemplo quando nos apaixonamos, fazemos juras de amor e tudo parece ser um conto de fadas.

No entanto quando passa a euforia e o calor da paixão, começam as decepções, iniciando uma nova fase.

O sentimento de perda e dor começa a se manifestar e com ele vem a infelicidade e as lágrimas.

Os comportamentos são diversificados de acordo com os princípios morais de cada um.

Alguns partem logo para uma nova conquista em busca da sua cura, permitindo-se viverem novas aventuras.

Outros preferem curtir a dor em silencio na espera de uma total recuperação, pois assim estarão aptos a uma nova paixão.

Acredito que de um jeito ou de outro, todos nós já passamos por uma experiência assim.

Dizem que relembrar o passado é sofrer duas vezes.

Porém existem fatos que são imprescindíveis que sejam lembrados e que façamos em nossos corações um pergaminho com todas as letras para que jamais sejam esquecidas.

Eles nos ajudarão a enfrentar e permanecermos vivos e mais fortes.

Seguros de que existiu uma grande história  e que já vencemos uma vez.

Podendo assim nos dar forças para atravessarmos e vencermos novamente.

Autoria : Mary Helena

Nenhum comentário:

Postar um comentário